olho seco hiperemia

Conjuntivites

A conjuntivite é uma doença que se caracteriza pela inflamação da conjuntiva, causada por agentes tóxicos, alergias, bactérias ou vírus.
A conjuntiva é a membrana transparente que recobre o globo ocular.

• Conjuntivite Infecciosa: é transmitida, mais freqüentemente, por vírus ou bactérias e pode ser contagiosa. O contágio se dá pelo contato. Assim, estar em ambientes fechados com pessoas contaminadas, uso de objetos contaminados, contato direto com pessoas contaminadas são formas de se contrair a conjuntivite infecciosa.

• Conjuntivite Alérgica: é aquela que ocorre em pessoas predispostas a alergias (como quem tem rinite , por exemplo) e geralmente ocorre nos dois olhos. Esse tipo de conjuntivite não é contagiosa, apesar de que pode começar em um olho e depois se apresentar no outro. Pode ter períodos de melhoras e reincidências, sendo importante a descoberta de seu agente.

• Conjuntivite Tóxica: é causada por contato direto com algum agente tóxico, como colírios, produtos de limpeza, fumaça de cigarro, poluição do ar, sabão, sabonetes, spray, maquiagens, cloro e tintas para cabelo.

Sintomas de Conjuntivite: sensação de areia, coceira, olhos vermelhos, fotofobia (sensibilidade à luz), inchaço nas pálpebras e secreção nos olhos.

Tratamento de Conjuntivite: O tratamento depende da causa.
Medicamentos (pomadas ou colírios) podem ser recomendados para combater a infecção, aliviar os sintomas e o desconforto.

Algumas recomendações podem ajudar:

• Lavar as mãos com frequência;
• Não colocar as mãos nos olhos para evitar a recontaminação;
• Evitar coçar os olhos;
• Lavar as mãos antes e depois da aplicação do medicamento;
• Não encostar o frasco do medicamento nos olhos;
• Suspender o uso de lentes de contato.

É importante que haja o acompanhamento do oftalmologista para um diagnóstico preciso e tratamento adequado.