Glaucoma

O que é o Glaucoma?

O que é Glaucoma?
O Glaucoma é a segunda maior causa de cegueira no mundo, de acordo com a Organização Mundial da Saúde.
É uma doença que causa danos ao nervo óptico, uma das principais estruturas do olho, responsável pela visão.
Nessa doença o campo de visão é comprometido de maneira crônica e progressiva e pode levar a cegueira se não for tratada.

Quais os sintomas?
A forma mais comum do glaucoma em nosso meio (glaucoma primário de ângulo aberto) não costuma apresentar sintomas na fase inicial da doença.

Quais os fatores de risco para desenvolver a doença?
A princípio o glaucoma pode se desenvolver em qualquer pessoa, mas alguns fatores são considerados de risco:
Pressão intraocular elevada, idade acima de 40 anos, enxaqueca, diabéticos, histórico familiar de glaucoma, ascendência africana ou asiática, longo tratamento com esteroides, miopia.

Como descobrir se tenho glaucoma?
Somente o oftalmologista através da consulta e alguns exames é capaz de diagnosticar a doença. Quanto mais cedo for feito o diagnóstico, melhor é o prognóstico e menor o risco de cegueira.

Uma criança pode ter glaucoma?
O glaucoma congênito é uma forma rara que pode se manifestar em crianças pequenas.

Como é tratado?
Os indivíduos com esse diagnóstico são geralmente tratados com colírios, com o intuito de reduzir a pressão intraocular e estabilizar a doença. Pacientes que não consigam estabilizar a doença com colírios podem necessitar de cirurgia.

O tratamento do glaucoma congênito é essencialmente cirúrgico.
A Iridotomia a Laser geralmente é indicada em glaucoma primário de ângulo fechado.
Pacientes com glaucoma neovascular podem necessitar de implantes valvulares.

Como se cuidar?
A melhor forma de se cuidar contra o glaucoma é através do diagnóstico precoce.
Quanto mais cedo for descoberto o glaucoma, melhores são as chances de minimizar os problemas na visão.

Dra Deyse é a especialista em glaucoma do Instituto da Visão de Lages, foi professora/preceptora do Departamento de Glaucoma do Hospital Regional de São José (2014 até março de 2017), considerado serviço de referência em Santa Catarina. Tem grande experiência clínica e cirúrgica no tratamento de todos os tipos de glaucoma.